HISTORIANET

Filmes

Eh Pagu, Eh

"Eh Pagu, Eh!" , é uma viagem /trajetória da vida-obra de Patrícia Galvão, Pagu.
Mulher de Oswald de Andrade, participa com ele do Movimento Antropofágico, nas páginas da Revista de Antropofagia, segunda dentição, sua fase mais radical, anticatólica e esquerdista. É Pagu quem leva Oswald a assumir posições de esquerda e se filiar ao PCB, atitudes que se refletiram em sua obra futura. Militando nos quadros do Partido Comunista, Patrícia Galvão escreve, na década de 30, "Parque Industrial", o primeiro romance proletário da literatura brasileira. Sua militância no PCB lhe valeu quase cinco anos de encarceramento nos porões da ditadura Vargas. Divergindo dos caminhos do Partido, junta-se aos dissidentes trotskistas, sendo expulsa do PC. Libertada, volta-se às suas atividades de jornalista, colaborando em jornais do Rio e de São Paulo. Funda com Geraldo Ferraz e Mário Pedrosa o jornal "Vanguarda Socialista". Em 1950 candidata-se a deputada federal pelo Partido Socialista Brasileiro. Desiludida, afasta-se da política, ingressa na Escola de Arte Dramática de São Paulo e passa a dedicar-se ao trabalho teatral, em Santos, incentivando grupos amadores, traduzindo e dirigindo textos teatrais de vanguarda, até sua morte naquela cidade, em 1962.
Utilizando uma linguagem nova em termos de documentário, "Eh Pagu, Eh!" recupera, através de fotos, jornais, filmes de época e reconstituição com atores, uma visão emocionada dessa mulher apaixonada e apaixonante. Pagu é interpretada pela atriz
Edith Siqueira e o filme conta ainda na narração, entre outras, com a voz de Raul Cortez.


O vídeo é encontrado na Livraria Cultura e/ou o pedido poderá ser feito diretamente através de e-mail para etceterafilmes@uol.com.br
e adquirido através de depósito bancário. O preço da cópia é de R$ 25,00 mais custos de remessa

Pesquisar em
1128 conteúdos

Notícias

MASP

Passagens por Paris - Arte moderna na capital do séc. XIX

Notícias

Universidades latinas atraem poucos estrangeiros

Instituições têm melhorado sua presença em rankings internacionais, mas continua

Roteiros de Aula

Ninguém tira Zero

Província elimina nota zero para proteger autoestima de alunos

Notícias

França e Alemanha lembram 100 anos da Primeira Guerra

Presidentes Hollande e Gauck homenageiam mortos nas batalhas e destacam importân

COPYRIGHT © HISTÓRIANET INTERNETWORKS LTDA

PRODUZIDO POR

SOBRE O HISTORIANET